Uma VPN pode ajudar a reverter a autoexclusão?

Programas de autoexclusão como o GamStop realmente oferecem aos jogadores problemáticos uma maneira confiável de se protegerem do vício do jogo. A melhor coisa sobre esses programas é o fato de serem baseados na “autoexclusão” que exige que o jogador tome uma atitude. Eles também dão ao jogador o direito de determinar a duração de sua exclusão real.

Uma VPN pode ajudar a reverter a autoexclusão

Apesar de todo o bem que esses programas fazem, muitos deles têm um elo fraco. Esse elo fraco é o fato de os jogadores não terem a capacidade de retomar suas atividades de jogo online se mudarem de ideia.

Sim, eles não serem capazes de jogar para seu próprio benefício é o ponto principal dos programas de jogos de azar problemáticos. Com isso dito, um jogador autoexcluído deve ter o direito de mudar de ideia, uma vez que a decisão original de se registrar para autoexclusão foi dele.

Aqui está o dilema que esse problema cria. Se um jogador decidir que quer jogar, ele vai jogar. Se eles não tiverem acesso a um lugar, provavelmente irão em busca de alternativas. Isso inclui jogos de azar online cassinos que não estão no GamStop.

Que outras opções tem um jogador auto-excluído?

A lista de outras opções que um jogador autoexcluído tem quando deseja jogar online inclui:

  • Usando sites de jogos de azar do Reino Unido que fazem pouca ou nenhuma verificação de conta
  • Indo para o exterior para atividades de jogos de azar online
  • Abertura de contas de jogo sob outras identidades
  • Usando sites de jogos de azar Bitcoin que não solicitam informações pessoais
  • Use uma VPN para facilitar as atividades de jogo
  • Jogos de azar através de instalações de jogos de azar de varejo

Nesta lista, gostaríamos de focar em como o uso de uma VPN pode ajudar um jogador autoexcluído como você a retomar as atividades de jogo online.

Como uma VPN ajuda a reverter os efeitos da autoexclusão?

Uma das maneiras pelas quais os programas de autoexclusão rastreiam as atividades de jogadores autoexcluídos é rastreando seus endereços IP. Muitos sites de jogos de azar e apostas esportivas online usam essa opção de forma eficaz quando seus jogadores usam os mesmos endereços IP para suas atividades de jogo.

Na batalha pelo direito de retomar as atividades de jogo online, jogadores autoexcluídos podem querer considerar o uso de uma VPN ao entrar em uma conta de jogo. Com isso em mente, gostaríamos de discutir duas maneiras pelas quais o uso de uma VPN pode ajudá-lo a reverter os efeitos dos programas de autoexclusão:

1. VPN ao usar contas de jogo existentes

Vamos ser claros sobre algo. Quando você se registrou no GamStop ou em outro programa de autoexclusão, provavelmente forneceu seu nome, endereço de e-mail e número de celular.

Eles já conhecem seus endereços IP mais comuns e os detalhes de seus métodos de financiamento. Todas essas informações são maneiras pelas quais os programas de autoexclusão rastreiam suas atividades. A parte do endereço IP é aquela que você pode contornar com uma VPN.

Uma VPN é uma conexão de internet criptografada que passa por um servidor alternativo. Ele permite que o usuário se conecte sem que o site de destino seja capaz de dizer quem é a pessoa e onde o indivíduo conectado está localizado. Você pode ver as possibilidades?

Seríamos negligentes em não mencionar que geralmente há uma taxa de assinatura associada ao uso de uma solução VPN. As taxas de assinatura geralmente não são significativas, mas você pode esperar comprar o direito de usar um serviço VPN.

Às vezes, provedores de segurança de software como Norton e McAfee oferecem uma VPN como parte de seus serviços. Antes de concordar com uma assinatura, você deve fazer alguma pesquisa e tentar encontrar soluções gratuitas – com muito poucas delas sendo seguras.

Se você usasse uma VPN ao se conectar por meio de suas contas de jogo autoexcluídas existentes, você e sua localização seriam disfarçados. Se essas forem as fontes primárias que um site de jogos de azar usa para identificá-lo, você poderá jogar por meio dessas contas existentes; GamStop, ou de outra forma.

Cuidado: A opção VPN é silenciada se o operador online estiver usando outros meios para bloquear suas atividades de jogo online. Isso é especialmente verdadeiro se sua conta ou contas forem completamente bloqueadas. É uma daquelas coisas que você pode tentar. Pode funcionar, mas, novamente, pode não.

2. VPN ao usar provedores de jogos de azar on-line offshore

Jogos de azar online em sites de jogos de azar que operam fora de outras jurisdições (mar) é outra maneira de contornar programas de autoexclusão como o GamStop.

O fato de os operadores de jogo online estrangeiros serem muito receptivos aos jogadores online do Reino Unido torna esta uma opção viável. No entanto, algumas operadoras offshore não fornecem conectividade para jogadores em outros países

Além disso, o UKGC tem leis sobre o uso de cartões de débito/crédito para financiar contas de jogo, especialmente contas de jogo offshore. Se você não consegue encontrar uma maneira de financiar uma conta de jogo, você, querendo jogar online em qualquer jurisdição, será um problema.

Como você pode imaginar, uma VPN pode contornar esses problemas. Depois de resolver o problema de conectividade, você poderá jogar online com operadoras na maior parte do mundo. Isso fornece uma vasta seleção de alternativas de jogos de azar online.

Concluir

Aqui está a linha de fundo. Se você mudou de ideia sobre sua autoexclusão, pode ser necessário ser criativo se quiser retomar o jogo online. Usar uma VPN é uma opção viável. Você pode obter acesso online a soluções VPN através da Internet. Digite serviços VPN no Reino Unido.

Assuma o controle de sua privacidade hoje! Desbloqueie sites, acesse plataformas de streaming e ignore o monitoramento do ISP.

Obtenha FastestVPN
Subscrever Newsletter
Receba as postagens de tendências da semana e os últimos anúncios de FastestVPN através do nosso boletim informativo por e-mail.

0 0 votos
Artigo Avaliação

Você pode Também gosto

Subscrever
Receber por
convidado
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários