Como remover vírus do calendário do iPhone

Você notou um texto estranho e desconhecido no calendário do seu iPhone? Seu telefone pode estar infectado com malware. Malware é um termo para definir um software malicioso cujo único objetivo é infectar um dispositivo e atrapalhar as operações do sistema. O software malicioso também é usado para invadir a privacidade do usuário e roubar dados de um dispositivo. Se você notou um comportamento incomum no seu iPhone, é hora de limpar o dispositivo. Siga isso blog conforme explicamos as maneiras mais fáceis de remover o vírus do calendário do iPhone.

Vírus no calendário do iPhone

Sinais de Vírus no iPhone

Um vírus é um malware que infecta e interrompe o funcionamento normal de um dispositivo. Mas um vírus é apenas um dos muitos tipos de malware que afligem os computadores, cada um sendo diferente em execução e danos. De vírus autorreplicantes a ransomware que impede você de acessar seus dados, o malware é uma ameaça sempre persistente à segurança do seu dispositivo.

Se o seu dispositivo foi infectado por malware, ele exibirá um comportamento estranho, como:

  • Desempenho lento.
  • Anúncios em navegadores da web ou aplicativos.
  • Pop-ups aleatórios.
  • Redireciona para sites diferentes.

Como remover o vírus do calendário do iPhone

O iPhone é a marca líder mundial em smartphones, com mais de 1 bilhão de usuários ativos. Isso torna o iOS um alvo para hackers realizarem ataques maliciosos. Vimos muitos exemplos de malware no iPhone no passado; um dos problemas comuns é um vírus no calendário do iPhone que envia spam aos usuários dentro do aplicativo.

As mensagens de spam se parecerão com avisos que dizem que seu iPhone não é seguro e precisa de proteção.

Mas aqui está o fato sobre esse vírus no iPhone: na verdade não é um vírus. Embora exiba algo que normalmente faz um dispositivo infectado com um vírus, tem a ver com uma conta de calendário.

Um malware infecta um dispositivo e reside no armazenamento ou na memória, mas esse não é o caso aqui. As mensagens de spam estão sendo enviadas para o aplicativo de calendário por meio de uma conta. Pode ter acontecido por meio de um pop-up ou link de phishing recebido por e-mail ou SMS. Depois de interagir com esses objetos maliciosos, coisas ruins podem acontecer com seu dispositivo.

Portanto, sem estender muito, vamos ver como remover o vírus do calendário do iPhone.

  1. Abra o Configurações app no ​​seu iPhone.
  2. toque em Calendário e vai para Contas
  3. Verifique a lista de contas adicionadas e veja se há uma conta que você não consegue reconhecer. Se houver, toque no calendário.
  4. Exclua a conta.

As mensagens de spam agora devem estar livres do aplicativo Calendário.

Como o malware pode infectar o iPhone

Quer você use um iPhone ou qualquer telefone Android, a ameaça de malware é real. Os invasores procuram vulnerabilidades nos sistemas e desenvolvem malware para explorar essas vulnerabilidades. Alguns malwares podem escapar da detecção e trabalhar furtivamente, como o Pegasus spyware. Porém, na maioria das vezes, a infecção por malware ocorre devido a más práticas de segurança.

Phishing é uma tentativa maliciosa de induzir um usuário a fornecer informações ou dados, geralmente criando um senso de urgência ou representando uma autoridade de poder. Um e-mail de phishing pode alertá-lo de que sua conta do iCloud foi bloqueada e exige que você faça login para reativá-la. O link no e-mail o levará a uma página projetada para se parecer com o site oficial da Apple e parecer autêntica. Mas no momento em que você digitar seu nome de usuário e senha, as credenciais vazarão para o hacker que construiu a página da web.

Outras formas incluem baixar aplicativos maliciosos, clicar em links em textos de remetentes desconhecidos ou usar Wi-Fi público sem criptografia.

Como proteger o iPhone de malware e spam

A primeira coisa é adotar certas práticas que limitam sua exposição a ataques maliciosos, como o ataque de calendário do iPhone. Verifique sempre o endereço do remetente; nunca clique em links de fontes desconhecidas. Se você receber um texto solicitando que você clique em um link ou um pop-up em um site solicitando permissões, não clique nele.

Certifique-se de usar uma VPN quando estiver conectado a uma rede Wi-Fi pública. Uma VPN criptografa seu tráfego de Internet para que qualquer hacker monitorando a troca de dados sem fio não possa farejar seus pacotes de dados e potencialmente desviá-lo para domínios maliciosos por meio de um ponto de acesso não autorizado.

Um antivírus irá percorrer um longo caminho para garantir a proteção contra malware no iOS. Uma VPN pode criptografar dados enquanto estão em trânsito, e o antivírus garantirá que seu dispositivo esteja protegido contra malware que tenta ser executado em segundo plano.

Conclusão

Os iPhones são considerados mais seguros do que os dispositivos Android devido a vários motivos, sendo um deles a incapacidade de carregar aplicativos de lado. Mas os iPhones não são totalmente à prova; vulnerabilidades sempre podem existir. São essas vulnerabilidades que os hackers procuram explorar para espalhar malware. Você pode adotar certas práticas recomendadas de segurança para limitar sua exposição a ataques mal-intencionados.

Assuma o controle de sua privacidade hoje! Desbloqueie sites, acesse plataformas de streaming e ignore o monitoramento do ISP.

Get FastestVPN
Subscrever Newsletter
Receba as postagens de tendências da semana e os últimos anúncios de FastestVPN através do nosso boletim informativo por e-mail.
ícone

0 0 votos
Artigo Avaliação

Você pode Também gosto

Subscrever
Receber por
convidado
0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Obtenha o negócio da sua vida por $ 40!

  • Servidores 800 +
  • Velocidades de 10 Gbps
  • WireGuard
  • VPN dupla
  • 10 conexões de dispositivos
  • Reembolso de 31 dias
Get FastestVPN